A tendência de amanhã é seu diferencial competitivo de hoje. Saia na frente: saiba como identificá-la.

Encontrar tendências e antecipar-se às demandas é um grande diferencial competitivo.

Sabemos que o mercado imobiliário sempre foi um ambiente de ampla concorrência. Novos empreendimentos surgem a cada dia, trazendo uma avalanche de novidades para os clientes.

Se você trabalha nesse mercado, já deve ter percebido que, com o passar do tempo não só o perfil dos clientes, mas também o dos imóveis, tem sofrido mudanças constantes.

Em um ambiente que se transforma tanto, se você não está por dentro dessas mudanças, você pode acabar ficando pra trás e perder seu espaço no mercado. Por isso, se tornou essencial entender o que está acontecendo com o seu cliente. Mas isso não é suficiente se você quer se destacar dos seus concorrentes.

Mas como é possível se destacar em um ambiente tão competitivo?

Uma das possibilidades é estar atento às tendências do mercado, mas isso não é algo simples de se fazer. Entender como o mercado se comporta e prever tendências é algo complexo até mesmo para os especialistas no assunto. Nesse contexto, surge o coolhunting (em tradução literal, caça pelo legal, pelo descolado).

Esse termo apareceu pela primeira vez em 1997, em um artigo da revista americana “The New Yorker”, mostrando o trabalho de uma coolhunter, que andava pelas ruas procurando as novas tendências da moda, observando o que as pessoas descoladas estavam usando. A especialista em análise de tendências, Fah Maioli, explica que o coolhunting é um método para pesquisar e analisar o mundo cultural de um momento.

Assim, ele pode ser usado para evidenciar mudanças na sociedade, encontrar padrões comportamentais e traduzir isso em informações que as empresas possam utilizar para viabilizar a inovação. Não só no mundo da moda, o coolhunter pode atuar em diversas áreas, uma vez que sua função é estar atento, buscando entender o comportamento das pessoas e identificar mudanças.

Como conta Maioli, no mercado imobiliário, foi feito há alguns anos um estudo antropológico de coolhunting em um bairro de Porto Alegre para a criação do projeto arquitetônico de um condomínio de médio e alto padrão, onde buscaram compreender diversas características culturais de quem morava na região e de quem gostaria de morar lá. O resultado, segundo ela, foi um sucesso de vendas.

Como aplicar isso de fato?

O curso de Coolhunting – técnicas de pesquisa para tendências e modelos culturais te ensinará como fazer para entender melhor as tendências do mercado. Assista agora a primeira aula grátis e siga aprendendo aqui na eBrain!